Santiago do Chile – Praia e neve

Sim!!! Quem mora ou visita Santiago tem a possibilidade de um dia esquiar e no outro surfar!

dscf3039
Valpaíso, sobre o qual falo no próximo post.

Santiago está localizada no vale central chileno, ao lado da Cordilheira do Andes, que é caminho e abrigo do famoso Vale Nevado. No lado oposto a cordilheira está o mar do Oceano Pacífico com as belas Vinã del Mar e Valparaíso.

Santiago para mim é uma cidade de padrão Europeu, onde tudo funciona bem. É o maior, mais importante e desenvolvido centro urbano, financeiro, cultural e administrativo do país.

No mundo dos negócios é considerada a 2.ª cidade mais competitiva da América Latina e a 60ª do mundo.

Em qualidade de vida, é considerada a terceira melhor capital latino-americana, depois de Montevidéu e Buenos Aires. A meu ver a ordem está invertida. Considero que Santiago está muito acida dessas duas cidades.

Bom, deixe-me mostrar-lhes minhas impressões de Santiago, de onde saí deslumbrada e agora com data certa para voltar.

Sugestão de roteiro da Frida, para 3 ou 4 dias:

Dia 1 : Começando por um dia de andanças pela cidade para conhecer e entender a vida por lá. Fomos a pé até o Parque Metropolitano pois estávamos hospedados perto dali, no Bairro Belas Artes.

IMG_2177
De início já nos apaixonamos por Santiago.

CERRO SAN CRISTÓBAL

alineinlove-cerro-san-cristobal
Cerro San Cristóbal

É um dos morros mais altos da cidade. No topo tem um santuário e uma vista panorâmica de toda a região.

Para subir, pegamos o funicular, que na minha opinião é 50% do passeio, por que é divertido e da um certo frio na barriga.

A estação inicial fica na entrada do Parque Metropolitano, na Pío Nono 445.

DSCF3066

Preço do funicular: 700 pesos até a primeira parada (Zoológico Nacional) e 3000 pesos até a segunda parada.

dscf3091
é íngrime pra caramba! por isso o friozinho na barriga.

Na subida, quem quiser pode parar na estação intermediária para conhecer o Zoológico de Santiago. Nós não paramos, sei lá, sou um pouco contra a idéia de zoológico.

Meia hora lá em cima no santuário é o suficiente, então você pode subir as 10h e descer as 10h30 para aproveitar o resto do dia em outros lugares.

dscf3089

Dica: Quando estivemos no cerro havia uma galera de bike; então, se essa é tua praia e tiveres como alugar uma, vá que a estrada é boa (aslfaltada e linda) e a volta deve ser emocionante.

DSCF3075

O funicular funciona de terça a domingo das 10h as 20h e segundas das 13h das 20h.

MERCADO CENTRAL.

onde-comer-em-santiago5
foto tirada da internet, esqueci de registrar.

O mercado é como a maioria dos mercados públicos, fedido e bagunçado, hihihi. Mas mesmo assim vale a pena conferir e digo até que seja meio que obrigatório, pois se tem uma boa mostra da alimentação chilena. Nas alas laterais estão as peixarias e no vão central os restaurantes bem como os insistentes garçons que querem que você almoce por ali.  Achamos os valores um pouco altos para o almoço e não ficamos.

PLAZA DE ARMAS.

dscf3107
Plaza de Armas.
A Plaza de Armas é considerada o marco zero de Santiago, onde tudo começou. A praça é bem grande, arborizada, com algumas estátuas e monumentos e rodeada por diversas construções históricas, como a Catedral, o prédio dos Correios e o Museu Histórico Nacional.
IMG_2297
Aproveitamos e entramos na imensa catedral, glamurosa!
IMG_2261
interior da catedral
Saindo da praça, se quiseres conhecer o comércio do centro de Santiago, passe pelo Paseo Ahumada, ali estão dezenas de lojas, inclusive as principais lojas de departamento como Ripley e Falabella.

 

CERRO SANTA LÚCIA

É um outro morro localizado na região central da cidade. Bem menor que o Cerro San Cristóbal, mas esse é tudo na base de subir rampas e escadarias. São 69 metros a serem subidos.

 dscf3097
Você terá vontade de fazer várias paradas porque tudo pede mais uma fotinho.
Esse lugar é muito famoso por ser ali o ponto em que a cidade começou a se formar.
DSCF3101
A vista compensa toda a subida, achei até mais bonita que a Cerro San Cristobal.
DSCF3100.JPG
vista do Cerro Santa Lucia.
E depois desse exercício todo, um chope no Galindo.
img_2234
O Galindo fica na Constituición esquina com Dardignac (Pertinho do Cerro San Cristobal), é um botequim que serve especialidades chilenas, está entre os mais recomendados de Santiago.
Pedimos o tradicional lomo a lo pobre, simples e delicioso.
img_2251
lomo a lo pobre, quase esqueci da foto de tão cheiroso que estava.

Segue o link do Galindo no tripadvisor:

IMG_2386
a parte interna do Galindo.
 Gostamos tanto que voltamos no outro dia.
img_2343
adoro cerveja preta e essa estava especial.

Dia 2: VALE NEVADO.

dscf2951

Valle Nevado é o complexo de esqui mais procurado em todo o Chile. A experiência de esquiar é incrível e você poderá aproveitar muitos serviços. A estrutura é excelente e está entre as melhores pistas de esqui no Chile.

Mas antes de mostrar mais sobre o Vale Nevado, gostaria de mostrar a subida da cordilheira e a da linda vila/estação de Farellones.

DSCF2860
Farellones.

A estrada é linda demais, veja nas fotos abaixo:

dscf2829

img_2029
a parte sem neve das cordilheiras, também é bonita!

dscf2826

Ainda bem que o motorista parou nesse ponto, se não parasse eu suplicaria por isso, merece registro.

dscf2831

Para este passeio contratamos a agência  Snowtours e fomos em uma van coletiva, o que nos custou cerca de USD 39,00 por pessoa. Abaixo link deles:

http://www.snowtourschile.com/?product=valle-nevado-farellones-2&lang=pb

O transporte é de qualidade e assim como quase 100% da frota que circula no Chile, carros em excelente estado.

DSCF2888.JPG

Para esse passeio há quem alugue um carro, o que também não é caro,  mas na minha opinião é para quem saiba lidar com a neve, pois a cordilheira sem a neve já exige uma atenção especial e com neve então? É para experientes.

DSCF2894.JPG

Sem contar o servição que é para por essas correntes nas rodas. A medida que fomos subindo a cordilheira precisamos parar na via  e o motorista as colocou para que pudessemos seguir em segurança.

Depois, a próxima parada foi em Farellones.

DSCF2854
Farellones.

Se liga na localização de Farellones: está a cerca de 40 quilômetros da capital chilena, numa subida com 40 curvas.

dscf2843

Farellones é um pequeno vilarejo onde os abonados de Santiago tem uma casinha ou apartamento para curtir. Algo como os abonados gaúchos com casa de inverno em Gramado. Aí, no inverno, o povo sobe a cordilheira e se diverte. Nas férias, que no Chile são as 2 ultimas semanas de julho, a vila e todas as outras estações ficam lotadas.

DSCF2859.JPG
carentes como os do Brasil, hehe

Algo que me chamou a atenção por lá é a quantidade de cachorros grandes como este da foto. Quando a neve está mais groça as crianças brincam de serem puxadas pelos cachorros com uma espécie de trenó. Deve ser bacana, mas nesse meio tempo eles ficam desempregados e carentes, ai que dó.

DSCF2833.JPG

Algumas casas tem criação de alpacas. Elas são criadas para se retirar a lã delas, que é longa e macia. Elas tem o costume de cuspir para demosntrar irritação, mas no geral são bem dóceis.

dscf2868
A alpaca estava de boa, não me cuspiu hehehe.

Sobre a estação de esqui de Farellones:

DSCF2839

Farellones fica na parte mais baixa da montanha, e é a última a começar a funcionar e a primeira a parar. As estações mais altas tem neve suficiente por mais tempo. A temporada de esqui começa em meados de Junho e termina em Setembro.

Os maldosos chamam Farellones de “faroffones”, justamente por ser a estação mais barata para se alojar. Além do fato de ter menos neve, tornou-se um local da prática de “esquibunda” e descida de bóia. Para crianças e medrosos, a melhor opção. heheh

DSCF2834.JPG

Se tua intenção for se hospedar nas estações, a de Farellones, assim como as de El Colorado e La Parva (próximas a 1km) não são as indicadas para quem procura diversão a noite, havendo poucos restaurantes. A maior parte da diversão noturna está no Valle Nevado ou em Santiago. Então se você é daqueles que não fica exausto depois de esquiar das 09h até as 17h, vale a pena pensar em voltar pra Santiago a noite ou se alocar no Vale Nevado (e lá gastar uma fortuna).

dscf2844
única pizzaria, restaurante de Farellones, abrem quando querem e fecham quando desejam. O mal ou bem de quem não tem concorrência.

Depois de perrambular por Farellones, acho que ficamos por lá cerca de uma hora, seguimos subindo a cordilheira.

DSCF2874

A medida que fomos subindo a neve foi aumentando e deixando tudo ainda mais emocionante, mesmo com as correntes que já tinham sido colocadas pois a estrada já estava congelada a muito tempo e com isso bem escorregadia.

DSCF2910

DSCF2916

Escorregamos mais um pouco e chegamos no Vale Nevado:

DSCF2920.JPG
Valle Nevado. Estrutura de primeira

Aqui você vai encontrar uma grande estrutura. Existem lojas que vendem roupas de inverno e equipamentos de esportes de neve, um mini mercado, restaurantes e bares que na grande maioria são dos hotéis.

Para se hospedar, tem 3 grandes hotéis (bem caros), que oferecem todo tipo de conforto e serviço, como refeições, piscina e academia, etc. Uma alternativa mais barata é alugar um apartamento, existem vários.

DSCF2930

A entrada na estação de esqui Valle Nevado não é paga para quem se hospeda nos hotéis que existem ali. Que tem até piscina quente (foto mais abaixo). Os tickets de acesso para quem não está hospedado, na baixa temporada custa 43 mil pesos chilenos, e na alta temporada sobe para 48 mil. Tudo que você solicitar de serviço também é pago a parte, seja o restaurante, as aulas, os equipamentos ou o uso do teleférico. Se você usufruir de todos os itens citados acima, é provável que o dia no Valle Nevado passe dos USD 200 por pessoa.

infraestrutura-valle-nevado
abonados em noite de diversão! Uauuuu

E como não nasci abonada, casei por amor, mas trabalho e muito, só fui dar uma conferida, eheheh (foto abaixo).

DSCF2927

A estação de frio no Valle Nevado começa em meados de junho e dura até o final de setembro. Nessa época a estação está com bastante neve, ideal para quem quer esquiar, praticar snowboard, ou só relaxar na estrutura completa que o local tem para oferecer.

DSCF2934

A estação de esqui é enorme. Mesmo que ainda com pouca neve o lugar é bacana e da para aproveitar muito mesmo não esquiando.

DSCF2944

Nós fomos final de maio, tivemos a grande sorte de nevar muito na manhã em que estávamos subindo o vale, porém ainda não deu para esquiar e tal, mas confesso que diante dos custos e também por já termos esquiado em outras oportunidades, subimos só para conhecer e assim nosso custo foi só de condução e alimentação.

DSCF2985

Nos divertimos muito com a neve, como é algo raro para nós, mesmo não esquiando, foi divertido.

dscf2967

Rolou até um romance, pena que ele errou a letra e depois tudo virou piada, hehehe.

DSCF2979

Abaixo foto do restaurante onde fizemos um lanche e ao lado tem uma lojinha bem bacana de souvenirs do lugar.

DSCF2957

 Ficamos no Vale Nevado por umas 2 horas e o tempo passou voando e valeu cada minuto.
dscf2977
dscf2992
 Sem mais, o dia foi perfeito e recomendo o passeio com ou sem esqui.
img_2023
 Para terminar esse DAY bem, indico ir ao Pátio Bellavista para jantar ou só beber um pouco.

 

img_2146
Patio Bella Vista
Para quem gosta de vida noturna, vale a pena conhecer o Patio Bella Vista. Ele é um local ótimo a qualquer hora do dia, mas a noite o local fica ainda mais bonito. Lá estão diversos bares e dezenas de restaurantes legais com mesas à céu aberto.
patio-bellavista

Os restaurantes contam com uma bela decoração, que nos chama a atenção. São muitos e com diversos cardápios, alguns mais elaborados e por isso mais caros. Alguns contam com música ao vivo e tornam o clima ainda melhor. O Pátio conta com uma loja do Mc Donald’s, então quem estiver com o orçamento curto, fica sem desculpas para conhecer esse ícone de almientação em Santiago.

Abaixo foto do nosso tradicional prato de pedreiro, hehehe. Amamos batatas e em férias está tudo liberado, essa torradinha de cima estava ótima!

img_2382-1

O Pátio ainda conta com umas lojinhas super bacanas de souvenirs, vale a pena conferir e levar uma lembrancinha para os que não foram, heheh. Tadinhos né.?

Então, se vais a Santiago a passada no Pátio Bella Vista é obrigatória!

Outra dica é depois de comer e beber é dar uma voltinha pelo bairro. É muito charmoso e da para se tomar uma saideira em outro barzinho.

img_2133
bairro Bella Vista.

 

DIA 3: Se perca em SANTIAGO.

Em toda viagem é preciso, necessário e obrigatório um dia livre. Livre para curtir o que der vontade.

Mas claro que precisa-se de opções, se não é bem capaz de teu dia livre virar em dia perdido. E isso não é legal!

img_2341

Tiramos o dia para ir no shopping, ebaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!

Nem sou tão fã de compras, mas o shopping escolhido superou as espectativas. Fomos no Parque Arauco.

Pegamos o metrô e descemos na estação da Escola Militar, distante 2,1km do Arauco, para justamente dar caminhadinha a mais e sentir o gostinho de Santiago que os Chilenos usufruem. Bom demais.

img_2114
Como todo outono, lindo. E em Santiago não poderia ser diferente.
 O Shopping Parque Arauco é um grandioso complexo de lojas, restaurantes, cinemas e demais empreendimentos que atendem às necessidades tanto dos turistas quanto dos moradores de Santiago. Fica na zona de Los Condes,  e além de ser referência para compras, ele é um destino turístico (principalmante para os brasileiros).
Possui lojas de luxo de grandes marcas e demais magazines. Atende todos os estilos.
E digamos assim, da para fazer bons negócios por lá (claro que depende muito da cotação do peso no momento).
Bom, mas nós fomos ao Shopping também porque tínhamos uma indicação de alimentação. O famoso Carlo Cocina Mercado Gourmet.
img_2015
Carlo Cocina Mercado Gourmet
O ambiente é o máximo, como se fosse um antigo armazem com restaurante.
Funciona da seguinte maneira: O cliente se serve nas prateielas e senta para comer as especiarias. Adorei muito por ser gostoso e ter este esquema diferente.
Depois de Shopping curtimos um fim de tarde dando mais uma voltinhas perto do bairro onde nos hospedamos, o Bella Vista. E sim, tivemos uma bela vista. ehehhe
img_2322
img_2306
Falando um pouco do clima de Santiago,  é chuvoso no inverno e muito seco no verão. (pela foto abaixo pode-se ver que ainda não tinha começado a época de chuvas)
No inverno, nos meses de julho a setembro as temperaturas ficam entre 5 a 10 graus e a neve é rara na cidade de Santiago, mas em 2016 ocorreu e os registros foram lindos.
No verão, de dezembro a fevereiro as temperaturas ficam entre 13 a no máximo 30 graus. Nos meses de outono e primaveira as máximas podem passar dos 20 graus e a mínima pode chegar a 10 graus.
O que se pode concluir é que o clima é perfeito para as vinículas e para mim. Adoro esse clima mais ameno, hehehe.
img_2336
rio quase seco.
 E agora para finalizar, preciso dar as dicas do hostel em que ficamos. É perfeito, pelo menos para nós, atendeu todas as expectativas.
O Hostel é o Bella 269, fica no bairro das Bellas Artes, na rua Recoleta.
img_8608
Esse é o bloco do hostel onde ficam os quartos privativos.
Pegamos uma suíte privativa, confortável, com varanda, perfeita. O café da manhã é gostoso e acima das expectativas de todos os hostels.
img_2168
nosso quarto.
 Esse quarto tem um custo de cerca de R$ 128,00 para o casal e pode ser reservado do site do Booking. Segue o link do site deles: http://www.hostalbella269.com/pt/
Tivemos uma ótima experiência no hostel e por isso recomendo, sem contar que tive a felicidade de pegar o baby deles no colo… agora já deve estar grandinho e talvez nem possa mais ir ao trabalho do seu dono, que felicidade a minha!
img_2171
Ah, como mencionei no título que o roteiro era para 3 ou 4 dias e só escrevi sobre 3, a dica para o quarto dia é dar um pulinho nas cidades de Viña Del Mar e Valparaíso, sobre as quais falarei no próximo post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: