Veneza

1
Veneza, meu sonho de guria!

Lembro-me da novela “Por Amor” onde os atores Regina Duarte e Antônio Fagundes andavam no maior clima de romance por Veneza. “suspiros”… Desde então sonhava em um dia desbravar os canais de Veneza numa gôndola. Veneza foi um dos motivos de eu ir morar fora em 2009, mas lamentávelmente não consegui visitar na época. Então, na primavera do ano passado lá estive; andei de gôndola e tudo mais! Sonho realizado, e posso dizer que atendeu todas as minhas expectativas (esse negócio de sonhar muito com algo ou algum lugar nem sempre é bom, pois as vezes vira uma grande decepção).

FullSizeRender

 

Mas vamos ao que interessa: Veneza e também Burano, Murano e Torcello, três encantos de ilhas próximas que me fizeram amar ainda mais este pedacinho da Itália.

Agora vou ensinar o caminho das pedras, ou melhor, das águas! rsrsrs

Chegamos ao aeroporto de Veneza de madrugada pois nosso vôo de Amsterdam atrasou muito (5 horas!). Cuidado se voar pela Easyjet. Além do atraso absurdo, trocaram o portão de embarque 3 vezes e o atendimento é péssimo. Porém, o preço das passagens é muito atrativo. Pagamos apenas 55 Euros de Amsterdam a Veneza, já incluídas as bagagens e escolha dos assentos. Então, vá por sua conta e risco.

Chegando em Veneza é necessário pegar um ônibus ou barco até a parte turistica. Sim, Veneza se divide em duas partes: A ilha grande, que é a parte turística (que sempre se vê nas fotos) e a parte continental, que é uma cidade normal e onde fica o aeroporto e também o terminal de trens. Inclusive, se a grana estiver curta e você quer mesmo ir a Veneza, pesquise as hospedagens na parte continental. Apesar de não ter o glamour da ilha o preço é bem mais em conta e você pode pegar o transporte público de manhã e ir pra ilha passar o dia.

Se você for se hospedar na ilha, será necessário se tomar um water taxi ou um Vaporetto, ou dependendo da localização do seu hotel pode ir a pé – inclusive pode contratar um dos carregadores de malas que ficam na entrada da ilha; não deixe de pechinchar.

É importante pesquisar bem sobre a localização do seu hotel. Ter somente o endereço em mãos não é o suficiente para achar, pois Veneza é um labirinto de becos e ruelas, o que a torna bem difícil de encontrar qualquer coisa, porém também a torna encantadora.

17
O becos de Veneza e os varais de roupas de um lado a outro; achei graça disso.
14
Veneza é a cidade dos canais e também das pontes. São mais de 400!

8

19
WATER TAXI

O taxi é o modo mais chique de se locomover porém também é o mais caro.

Outra opção é o Vaporeto, o transporte público de Veneza. Pode-se usá-lo para conhecer a ilha toda pois são várias paradas em vários pontos de Veneza. Vale a pena também fazer um passeio a noite para ver as luzes da cidade.  O Vaporetto tem as seguintes opções de passagens:

* O bilhete simples custa € 7,50 euros e tem validade durante 1hora na mesma direção (então, pode-se  parar no caminho e reembarcar no mesmo sentido dentro deste tempo).

* Passes de 24 horas por 20 euros; 48 horas por 30 euros; 72 horas por 40 euros; ou 7 dias por 60 euros. Estes passes também dão direito a ônibus (exceto o que vai/volta do aeroporto).

18
Ponte Rialto vista do Vaporetto.

Onde se hospedar?

Ficamos hospedados no B&B Al Saor, uma pousada muito charmosa com um café da manhã muito saboroso. A nossa suíte saiu por € 95,00 euros a diária. Segue o site deles: http://www.alsaor.com/

slider3new
o estilo do hotel é um “chique antigo”; apaixonante.
slider4
café da manhã é servido numa varandinha.

O que fazer em Veneza:

Ficamos três dias na ilha e aproveitamos o màximo para conhecer a ilha de Veneza e os arredores; Abaixo sugestão de roteiro:

Dia 1 – Conhecendo a cidade e passeio de gôndola:

Neste dia chegamos em Veneza pela manhã, nos acomodamos no hotel e descansamos; saímos a tarde e perto do por do sol fizemos o passeio de gôndola.

FullSizeRender-5

Este passeio custa € 80,00 euros e não adianta muito pechinchar pois o preçõ é tabelado. Depois das 19h esse valor aumenta um pouco. Há também a opção de fazer o passeio em grupos e dividir este valor, mas acredito que perca um pouco do encanto.

FullSizeRender-2

O passeio tem duração média de 30 minutos. Passa pelo canal grande e alguns canais menores (que são os mais encantadores).

FullSizeRender-1
canal grande visto da gôndola.

FullSizeRender-3

Uma dica para não arrumar encrenca com o gondoleiro e estragar o passeio é avisar a ele quando for se mover (o nosso ficou bufando conosco quando nos movemos para tirar fotos).

FullSizeRender-4
eu me sentindo em “Por Amor”. A própria Regina Duarte rsrs

Dia 2- Passeio a pé por Veneza.

Os pontos mais famosos são: Ca’D’Oro, Ponte Rialto, Piazza San Marco, Basílica di San Marco, Palazzo Ducale, Ponte dos Suspiros (tudo a pé dá mais ou menos 1,7km de ida):

IMG_2702
máscaras para o famoso Carnaval de Veneza

Nas proximidades da Ponte Rialto (foto da ponte está mais acima onde menciono sobre ela vista a noite do Vaporetto), há diversos camelôs onde se pode comprar souvenirs. Comprei uma tradicional máscara Veneziana; quem sabe um dia a uso no carnaval do Rio, hehe

FullSizeRender-26
Piazza San Marco

Nesta praça há varios restaurautes, onde se pode beber um bom vinho ao som de música clássica tocada ao vivo. Muito chique, mas o preço é bem salgado.

10
Ao fundo na foto está a Basílica di San Marco. Como podem ver, não sou muito fã de pombos.
5
foto em frente ao Palazzo Ducale, lugar especial para ver o por do sol.

No mais se divirta pelos becos e pontes de Veneza. A arquitetura da cidade, esse “chique antigo” dá um ar elegante e romântico ao lugar. Aproveite para fazer fotos lindas, selfies e tudo mais.

FullSizeRender-23
Fiquei com cara de metida na foto, mas tinha que fazer a bonita uma vez na vida, hehe.

7

13

11

4

Dia 3 – Passeio pelas ilhas ao redor de Veneza, Murano, Burano e Torcello.

Este passeio você pode fazer de Vaporetto (os custos já citei mais acima). Há paradas nas  ilhas e você pode descer e passear pelo tempo que quiser. Depois é só voltar a parada e seguir para a próxima ilha. As ilhas que requerem mais tempo para a visita são Murano e Burano, onde há mais atrações.

Murano:

FullSizeRender-28
Murano

Chega-se a Murano com os Vaporettos 41, 42, DM e LN.

FullSizeRender-29

Murano é linda, e a atração principal são as fábricas artesanais de vidros, porém é proibido fotografar a produção.

FullSizeRender-27
Vitrine de uma das fábricas que visitamos.

Junto com as fábricas geralmente há lojas onde se vendem os vidros como souvenirs, mas já adianto que são bastante caros.

FullSizeRender-31
Canale di San Donato

Passeie pelas ruas e vá descobrindo Murano com os olhos, tenho certeza que vai gostar. Eu amei.

FullSizeRender-30

 

Burano:

FullSizeRender-33
O casal no canto embelezou ainda mais a foto.
FullSizeRender-32
É ou não é lindo? DEMAIS!

Na minha opinião, Burano é a mais linda com suas casinhas coloridas e habitadas por simpáticas senhoras tecendo renda nas portas; ganharam meu coração.

Torcello.FullSizeRender-36

Torcello é uma ilha mais rural e bem diferente das paisagens de Veneza. Por lá a atração maior é a Basílica de Santa María dell’Assunta, datada do ano 639.

FullSizeRender-34
Ao pé da Basílica.

Para se chegar a Torcello utilize também o Vaporetto LN. Esta ilha fica a apenas 5 minutos de Burano.

FullSizeRender-35
A ilha tem estilo fazenda.

 

Alimentação em Veneza.

Para experimentar o bom vinho italiano e suas famosas pizzas não é necessário ficar podre, viu.

Restaurantes.

IMG_5182
Noite de pizza e bom vinho

Há diversos restaurantes na ilha de Veneza, e na maioria há um menu na porta onde se pode ter uma idéia do valor dos pratos. Para se ter uma base, em um dia comemos uma pizza grande e bebemos uma garrafa de vinho; o valor ficou em mais ou menos € 40,00 euros.

6

Osterias.

IMG_3605

Outra dica para se comer bem e gastar pouco são as osterias (também conhecidas como bácaros); espécie de padariaa. Nelas são servidos os “cichetti”, que nada mais são que os nossos famosos tira- gostos. São croquetes, polpetas, crostini, bolinhos, salgadinhos, peixe frito e pizzas.

IMG_3220

Os vinhos e espumantes você compra nos supermecados da ilha mesmo. Os  preços são muito baratos comparados ao Brasil, considerando a qualidade que tem.

IMG_3592
€ 1,19 por uma espumante!!! Pechincha!!! Qualidade equivalente a um moscatel brasileiro

IMG_3594

Da para se divertir escolhendo vinhos e espumantes. Se tiver espaço na mala leve ao menos um pra casa.

Cervejas com rótulos esquisitos e diferentes também são um bom souvenir.

IMG_3346

Nos mercados também vendem saladas prontas fresquinhas e saborosas.

IMG_2676
Prateleira de massas. O bacana é levar pra casa uma porção e fazer uma janta especial para relembrar os sabores de Veneza depois de um tempo.

Outro sabor imperdível, não só em Veneza como em toda Itália, são os gelattos (sorvetes).

IMG_2854
Estava tão entertida com meu gelatto que nem notei a foto.

12

 

FullSizeRender-24

Bom, isso é Veneza: Romântica, saborosa e charmosa ao extremo. Termino este post com esta foto sedutora hehehe (minhas selfies por lá ficaram assim, talvez pela maneira que Veneza agiu em mim… quero muito voltar em breve).

Qualquer dúvida estou a disposição de vocês amigos.

Beijos da Frida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: